quarta-feira, outubro 31, 2012

Brincar com a realidade.


 
Andamos todos a brincar irresponsavelmente com a realidade.

 

Brinca com a realidade o governo que ignora as pessoas e assenta sua governação sobre números irreais, distorcidos e em alguns casos impossíveis.

Brinca com a realidade a oposição quando continua a exigir cegamente a continuidade de um estado gastador que nos trouxe até aqui.

Brinca o PS quando parece esquecer-se da sua enorme responsabilidade por nos ter trazido à antecâmara da bancarrota e age como se nunca tivesse estado no governo.

Brincam com a realidade o PCP e o Bloco quando exigem que Portugal negoceie com a troika como se fosse Credor e não um devedor. Brincam ainda mais quando exigem agora o tinham tido oportunidade de exigir pessoalmente aquando das negociações.

Brincam todos quantos se estiveram a borrifar para a política, engrossando ano após ano os números da abstenção e agora convocam manifestações pelo facebook como quem convida um amigo para uma actividade radical e cool.

Brincam aqueles que acham que o mal é todo dos partidos e que pensam que a solução está  nos movimentos de independentes, essa mole de oportunistas sem identidade ideológica que pode ser tudo e nada mas que nunca resolverão nenhum problema a não ser salvaguardar os seus interesses.

Brinca essa espécie de Presidente da República que temos que usa o facebook para comunicar quando não o faz como e quando devia, e tem medo de enfrentar cara a cara meia dúzia de miúdos do secundário.

Brincam os presidentes de junta que se recusaram sequer a discutir a reforma administrativa para poderem perpetuar no tempo o poder da sua ignorância.

Brinca o governo quando quer impor em tempo recorde uma reforma da administração local, sem um estudo prévio que assegure a concretização dos seus objectivos.

Brinca o PSD quando, numa atitude de quem tem o rei na barriga, menospreza a opinião dos partidos da oposição e até o seu parceiro de coligação.
Brinca o CDS quando faz um jogo patético e impossível de ser oposição e governo ao mesmo tempo.

Brincam os analistas políticos e económicos quando em 5 minutos sintetizam esta crise como quem comenta um jogo de futebol...
 

bem...acho que já estou a brincar demasiado com um assunto que merecia ser tratado com mais seriedade.

2 comentários:

S.Esteves disse...

Uma foto engraçada e bem conseguida.
Não sei de que forma vai acabar o "recreio", ms não deve demorar...

Adelino Silva disse...

Gostei das palavras sérias ditas a brincar...
Gostei da foto "de brincadeira".