terça-feira, agosto 07, 2012

Escala aberta da Badalhoquice

Na escala aberta da badalhoquice da política portuguesa, o caso relvas atingiu o valor máximo.
Não pelo caso em si, mas por tudo o que ele representa.
Seria incapaz de votar num partido que apesar de toda esta vergonha o mantem como quadro do partido e, pior, como ministro.
Como é possivel terem dito o que disseram do Sócrates e agora assobiarem para o lado?
É vergonhoso que o lider do partido que tanto criticou, e em alguns casos bem, as novas oportunidades venha agora tentar saír de mansinho destas superiores novas oportunidades.
É vergonhoso que o parceiro de coligação não se desmarque desta gente
É nojento que alguém se sujeite a este enxovalho público e se consiga aguentar no meio de tamanho lamaçal, só para conseguir continuar a servir os seus, pois que ele não é mais que um lacaio a mando de poderosos.
É vergonhoso que a nossa sociedade valorize tanto o percurso académico quando temos tantos exemplos de "Lulas" por esse mundo fora.
A moral é que é uma fonte do direito, e não o contrário. Não nos esqueçamos disso.

2 comentários:

rui mnm disse...

e só nos restam as pegadas, com um pé ainda calçado, mas por pouco tempo...

Filipe disse...

Nesta, estou 100% de acordo contigo.