quinta-feira, julho 29, 2010

Bandeiras

este é um objecto em desuso.


são cada vez menos as bandeiras que estejamos dispostos a hastear ou, mais difícil ainda, ostentar.

2 comentários:

Adelino Silva disse...

Boas.

Indo ao encontro do anterior tema "Identidades", este toca realmente na "ferida" da sociedade dos nossos dias; Não queremos ostentar bandeiras para podermos "jogar" com a nossa identidade de acordo com as conveniências do momento! Não queremos ficar agarrados nem rotulados a nada. Nem aquilo que deveriam ser as nossas convicções. No meu ponto de vista, não é mais do que falta de princípios, de carácter e de personalidade! O mal crónico dos dias de hoje, com tendência para piorar. Com isto se vê a constante perda dos valores basilares da nossa sociedade!

Adelino Silva

luis augusto jungmann andrade disse...

como disse Juan Manuel Serrat, "prefiro o caminhos às fronteiras..."