quinta-feira, agosto 24, 2006

fotos com telemóvel



Às vezes, temos a ideia (errada), que para fazer fotografia, é preciso uma excelente máquina fotográfica, boas lentes, tripé, filtros... etc, etc. Eu também já sofri desse complexo. Mas à medida que me fui interessando pela fotografia, fui constactando que nem sempre a evolução da técnica, significou uma melhoria na qualidade das fotografias que nos chegam atravez dos jornais, revistas, livros e até mesmo as fotos que tiramos à familia. Quantas vezes não ficamos de boca aberta com a qualidade de algumas fotografias que os nossos pais ou avós, guardam lá na caixinha das recordações? Nessa altura, as máquinas fotográficas eram rodimentares e exigiam muitas vezes uma grande perícia na medição da luz e no acerto da focagem. Mas as pessoas viam a fotografia como uma arte. A sua dificuldade envolvia a "Photografia" de uma certa aurea de respeito e admiração. O proliferar das máquinas totalmente automáticas, generalizou a fotografia, mas não dotou as pessoas de sensibilidade. Hoje qualquer máquina mede a luz com exactidão, foca automáticamente e deixa para o fotografo a única tarefa de enquadrar e carregar no botão. Falta a parte mais dificil.
Esta série de fotografias foi tirada com um simples telemóvel com 1.3 megapixels de resolução e devo admitir que gostei do resultado final. Partilho-as aqui convosco e deixo o desafio... fotografe mais. A qualidade das fotografias não está relacionado com a máquina que tem, mas com a quantidade de fotos que tira.

1 comentário:

prenes disse...

De facto por vezes quando as fotos não ficam como gostaríamos, enveredamos pelo facilitismo atirando culpas ao material, sendo a principal vítima a maquina fotográfica acusada injustamente. Como tudo na vida o desenvolver da perfeição é fruto de muita dedicação e experiência, onde nem sempre o melhor trabalho é resultado do uso das melhores ferramentas, mas sim da mão-de-obra. Exemplos disso são algumas fotos que tirei com o telemóvel e até mesmo com a webcam, capazes de rivalizar com fotos de maquinaria sofisticada.

Um abraço