sexta-feira, fevereiro 27, 2009

Nem tudo se compra


Habituados que estamos a tudo ter à distancia de um clic
lidamos mal com aquilo que não podemos controlar
queremos tudo para o instante seguinte
e deixamos de conjugar o verbo esperar.
E eis pois que nestes momentos de crise
o pânico do homem de negócios
contrasta com a serenidade do humilde lavrador
que espera pacientemente o fruto da sementeira.
Ambos correm riscos, mas a postura perante eles coloca a nu a ganância do primeiro e a nobreza do segundo.

terça-feira, fevereiro 24, 2009

Tranquilidade


... estou a precisar de fotografar. A tranquilidade, tal como num atleta, relaxa os músculos e compromete os resultados.
Foto: Rio Lima - Fevereiro 2009

domingo, fevereiro 22, 2009

Direitos


Há direitos que de tão básicos nos esquecemos deles.

Um desses direitos, que muito prezo, é o direito a errar.

quarta-feira, fevereiro 18, 2009

"A sorte grande"


Bem sei que é utópico falar em economia positiva, na medida em que quando traçamos um parecer económico, ou uma simples análise, estamos sempre condicionados por uma certa subjectividade.
Contudo, não será de escamotear a opinião proferida hoje pelo prof. Daniel Bessa e amplamente subscrita pela generalidade dos economistas, de que a actual crise internacional foi a sorte grande para o actual governo. De facto, o nosso país continua a sofrer de profundos problemas estruturais que só não são mais evidentes porque a actual crise desviou todas as atenções. Será caso para perguntar afinal para que serviram os últimos 4 anos de intensos sacrifícios ao nível fiscal, de supressão de regalias, de destruição de serviços sociais, se com apenas alguns meses de crise o deficit já disparou para valores acima dos famigerados 3% e pelo que indica o próprio governo e banco de Portugal, ainda não batemos no fundo.
Por fim, pasme-se quando o governo prevê um aumento das receitas fiscais para 2009 apesar do actual panorama económico.

terça-feira, fevereiro 17, 2009

Lá fora é que sim



Lá fora é que sim
me apetece estar
Não ao pé do altar,
Virgem de Belém.


E se eu for lá para fora?...
amava-te igualmente...
só o modo era outro
de rezar e de ser crente.


Lá fora também andas...
Sem manto, sem coroa,
simples, Nossa Senhora!
Que mais linda és lá fora!...


Vais à fonte ( e eu a ver-te
entre as mais raparigas
-virgens, sem filhos essas)
encher a tua bilha.


Vais lavar o menino
mas a água é tão fria!...
queres que te acenda o lume,
Virgem Maria?
in "Pelo Sonho é que vamos", Sebastião da Gama

segunda-feira, fevereiro 16, 2009

Finalmente... o Magalhães

Após meses de espera, eis que chegou o Magalhães.
O primeiro contacto com o equipamento foi positivo. Aparentemente robusto, ergonómico e atraente, está dotado de software educativo e utilitário perfeitamente adaptado à faixa etária a que se destina.
Não posso deixar de imaginar os secretários de estado e ministros a usarem o magalhães, intercalando a redacção de um qualquer documento com um joguinho destinado aos meninos do 1º ciclo, uma pesquisa rápida na diciopédia e eventualmente navegarem um pouco na net, caso o Sócrates tenha desbloqueado os sites que queiram aceder, isto porque o Magalhães também vem equipado com ferramentas que permitem controlar ao pormenor a sua utilização.

Janeiradas



Grupo de cantadores das janeiras em Creixomil, Janeiro de 2009

sábado, fevereiro 14, 2009

Dia de S. Valentim

O dia de S. Valentim é sempre que o Homem quiser.

foto: Praia de S. Bartolomeu do Mar - Agosto de 2008

sexta-feira, fevereiro 13, 2009

Charles Darwin


Só uma mente muito limitada poderá conceber Charles Darwin como o derradeiro carrasco da crença da intervenção divina na criação do universo. A teoria do evolucionismo apenas veio redefinir a perspectiva com que devemos ver essa intervenção. Aliás, veio aperfeiçoa-la, na medida em que, à luz de uma visão esclarecida do cristianismo, é mais exacto reconhecer Deus como um arquitecto e não tanto como um operário que intervém directamente no universo.
Isto claro, para quem pelo menos aceite a possibilidade da existência de Deus. Para os outros, nesta perspectiva, Charles Darwin não acrescentou nada.

quinta-feira, fevereiro 12, 2009

quarta-feira, fevereiro 11, 2009

Apologia da negatividade


Os partidos de esquerda, e de um modo especial o partido de governo, têm nos últimos anos seguido uma certa apologia da negatividade. A defesa de um conjunto de práticas que balizam os valores pela negativa. As salas de chuto, o aborto livre até às 10 semanas, o divórcio self-service e agora a discussão da eutanásia, da adopção de crianças por casais homossexuais…

A(s) festa(s)


“…O divino e o profano dão ali as mãos, num amplo entendimento. O céu desce um pouco, a montanha sobe mais, e ninguém sabe ao certo a que reino pertence. Com a cuba do estômago cheia e a imagem da Santa espetada na fita do chapéu, um homem sente-se capaz de tudo: de matar o semelhante e de comungar. Ouve-se um padre-nosso e uma saraivada de asneiras ao mesmo tempo. E apaga-se naturalmente do espírito a estrema que separa o mundo real do irreal. Só quem vem de peito feito para cumprir à risca a devo­ção que o traz, seja ela qual for, consegue encontrar pé num tal mar de contradições.”
in "A festa", Novos contos da montanha - Miguel Torga

sábado, fevereiro 07, 2009

sexta-feira, fevereiro 06, 2009

Vestir a Camisola


Este fim de semana, o Grupo Desportivo de Creixomil, promove um conjunto de iniciativas no âmbito do encerramento das comemorações dos 25 anos de existência. Foi nesse mesmo espírito, que nos primeiros dias de Janeiro percorreu todas as ruas e lugares da freguesia cantando as Janeiras, envergando o emblema e o sentido de sacrifício que fez deste clube uma referência da freguesia neste último quarto de século.
Parabéns GDC!

quarta-feira, fevereiro 04, 2009

Água


A água é um elemento essencial à vida.
A humanidade tem menosprezado o seu valor. As guerras que hoje se fazem por causa do petróleo, eclodirão amanhã por causa da água.
Sucedem-se cimeiras e Fóruns mundiais, sem que os nossos políticos tomem medidas de facto para a protecção deste bem precioso.
foto: Ribeira de Perelhal, Barcelos - Janeiro de 2009